Prova de Vida INSS continua suspenso até o dia 31 de outubro

Uma vez por ano, o segurado do INSS precisa fazer a prova de vida – que nada mais é do que a pessoa comprovar para o governo que está viva para continuar recebendo o benefício. Porém, em decorrência do novo Coronavírus, todos os atendimentos do INSS foram suspensos.

A prova de vida é a garantia de continuidade do recebimento do auxílio para aquelas pessoas que recebem direto na conta bancária (corrente ou poupança) ou através do cartão magnético.

Porém, essa suspensão está com prazo para acabar. Até 31 de outubro não serão marcados atendimentos e os segurados não perderam o benefício, porém, ao que tudo indica, os atendimentos voltarão a acontecer após o fim desse prazo – e quem não procurar uma agência do INSS para regularizar a situação perderá o benefício.

Para fazer o agendamento para Prova de Vida do INSS basta acessar o Aplicativo “Meu INSS” para garantir o agendamento e a manutenção do benefício.

Os procedimentos para comprovação de vida continuarão os mesmo – o usuário deverá comparecer a agência do INSS indicada no momento da marcação para o atendimento. Além da Prova de Vida, a biometria facial também deve começar a ser coletada (em caráter de teste).

Quem deve fazer a prova de vida INSS?

Veja a seguir a lista de quem precisa passar pela Prova de Vida do INSS a partir do dia 31/10/2020:

  • Beneficiários do INSS
  • Servidores Aposentados
  • Anistiados

Comprovação deve ser realizada todos os ano

Normalmente, a comprovação de vida deve ser feita todos os anos. Os beneficiário deve agendar um atendimento nas agências do INSS para garantir a continuidade do benefício.

O indicado é buscar essa regularização anual durante o mês de aniversário do segurado. Há casos, onde a comprovação acontece 12 após o último atendimento – o importante é manter as informações sempre atualizadas e sua comprovação de vida perante o INSS.

Quais documentos levar para comprovação de vida INSS?

Preste bastante atenção na hora de organizar a sua visita a agência do INSS. Você só será atendido e terá a comprovação de vida aceita apresentando um documento de identificação com foto atualizada. Esse documento pode ser:

  • Identidade (RG)
  • Carteira de Trabalho
  • Carteira Nacional de Habilitação (CNH)

Sou do grupo de risco e não posso sair de casa. Como provar vida no INSS?

Para garantir a continuidade do benefício, a pessoa deve indicar um representante que levará todos os documentos solicitados para a continuidade do benefício.

Porém, para ser aceito no momento do atendimento na agência do INSS, esse representante deve estar portando:

  • Atestado médico do segurando emitido a menos de 30 dias;
  • Procuração Registrada em Cartório;
  • Documentos do Segurado;
  • Documentos próprios (do representante).

Dúvidas gerais sobre o Benefício do INSS

Quem obteve o benefício há menos de 1 ano precisa fazer prova de vida? Por enquanto não. Apenas quando vencer o prazo de 1 ano após o primeiro recebimento.

Como será o atendimento de pessoas com mais de 80 anos e debilitados? O atendimento será especial e realizado por um servidor do INSS que irá até o beneficiário. Para isso, é necessário fazer o agendamento pelo aplicativo “Meu INSS”.

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário