Tabela INSS – Entenda!

As novas tabela INSS já estão em vigor desde março deste ano e causou grandes impactos e dúvidas referente as folhas de pagamento de trabalhadores de iniciativa privada.

Então agora, os cálculos atendem as requisições impostas pela nova Reforma da Previdência (emenda Constitucional 103). Vale ressaltar que a nova tabela INSS afeta somente os trabalhadores que possuem carteira assinada, fazendo parte de empresas privadas.

Portanto prestadores de serviços, segurados facultativos e autônomos com contribuição individual não foram atingidos pela nova tabela INSS.

Então você, trabalhador de empresas privadas, já percebeu essa diferença em sua folha de pagamento? Então vem com a gente entender mais sobre este assunto que gera grandes dúvidas no meio contábil.

Portanto conheça a seguir como funciona a nova tabela INSS e de que forma esta mudança está afetando a vida de trabalhadores de iniciativa privada após a reforma da previdência desde março de 2020. Portanto, confira!

Tabela INSS - Entenda!

Tabela INSS

Tendo então vigência desde o dia 1º de março, a tabela INSS reformulada causou grandes dúvidas em vários trabalhadores e empresas.

Portanto veja a seguir como era antes de tudo isso e como ficou após a mudança.

 

Tabela válida até 29/02/2020

Salário Alíquota não progressiva
Até R$ 1.830,28 8%
De R$ 1.830,30 a R$ 3.050,52 9%
De R$ 3.050,53 A R$ 6.101,06 11%

 

Portanto na antiga tabela INSS, haviam apenas 3 classificações de alíquotas não progressivas. Dessa forma, os descontos mensais dos salários eram baseados na faixa do salário.

 

Tabela a partir de 1º de março de 2020

Salário de contribuição Alíquota progressiva
Até R$ 1.045,00 7,5%
De R$ 1.045,01 até R$ 2.089,60 9%
De R$ 2.089,61 até 3134,40 12%
De 3.134,41 até 6.101,06 14%

 

De acordo com essa tabela, os trabalhadores de empresas privadas possuem 4 alíquotas progressivas, contudo, aumentando então  a classificação.

Porém então, é visto que a mudança não afeta o empregador e nem as empresas. Contudo com este novo modelo, pagará mais quem recebe mais.

Então, por exemplo, pessoas que recebem um salário mínimo, será um desconto de menos de R$ 6,00. Então já aqueles que recebem R$ 7.000,00, o desconto não chega a R$ 50,00.

Portanto vale lembrar que par aos empregados de empresas privadas, o valor do décimo terceiro não é incluso no cálculo.

O que é alíquota progressiva na Tabela INSS?

Contudo no caso dessa tabela, a alíquota progressiva significa que quem ganha mais, irá ter um desconto maior em sua contribuição na folha de pagamento.

Então de acordo com a tabela INSS antiga, os valores das porcentagens dos trabalhadores em fixas, sendo analisado de acordo com o valor salarial. Portanto agora, com a tabela INSS nova, tudo mudou.

Portanto um exemplo, uma pessoa que recebe R$ 1.600,00 irá realizar o pagamento da primeira classificação, referente a 7,5% e pagará mais 9% referente a segunda classificação em cima do valor que excede ao salário mínimo da primeira classe.

 

 

Avatar
Jornalista, redatora, atuante na produção de conteúdo para a web há 3 anos. Amante da comunicação, antenada às novidades e sempre disposta a trazer o melhor conteúdo, com respostas para as perguntas de quem o lê!

Deixe seu comentário