Como emitir o boleto MEI da contribuição mensal? Passo a Passo

Se você quer saber como emitir o boleto MEI da contribuição mensal basta acompanhar este artigo até o final. Aqui vamos esclarecer suas dúvidas e o passo a passo para realizar o procedimento.

Contribuição

O DAS, mais conhecido como Documento de Arrecadação Simplificada, é uma taxa cobrada  aos microempreendedores individuais (MEI) e deve ser paga mensalmente a fim de quitar várias obrigações fiscais do profissional.

Depois de se registrar para trabalhar como microempreendedor individual é necessário ficar atento ao imposto obrigatório. A taxa é cobrada diante dos benefícios que o MEI proporciona.

Entre os serviços cobrados na guia de pagamento estão:

  • INSS com alíquota de 5% do salário-mínimo;
  • ISS, aplicado para os prestadores de serviços;
  • ICMS aplicado para as atividades de comércio e indústria;
  • ICMS e ISS se a atividade incluir comércio e serviços;
  • Entre outros.

Vale ressaltar que os valores e porcentagens podem variar de acordo com cada setor. Contudo, a taxa é fixa e deve ser recolhida todos os meses mesmo que não haja faturamento ou emissão de nota fiscal por parte do MEI.

Além disso, os valores podem sofrer reajuste todos os anos, bem como normas ou legislações para o funcionamento do MEI.

 

DAS é obrigatório para quem é MEI

Como emitir o DAS

O contribuinte pode emitir o DAS diretamente pelo Portal do Empreendedor. O procedimento é simples, rápido e fácil. Acompanhe o passo a passo:

  • Primeiro acesse o site oficial do Portal do Empreendedor;
  • Em seguida escolha a opção “Já sou MEI”;
  • Depois selecione o quadro “pague sua contribuição mensal”;
  • Posteriormente você deve preencher o CNPJ e o captcha;
  • Deve ainda escolher a opção “Emitir Guia de Pagamento (DAS)”
  • Também é preciso informar o ano-calendário;
  • Em seguida precisa selecionar o período de apuração da guia que deseja pagar;
  • Depois clique em “Apurar/Gerar DAS”;
  • E, por fim, basta selecionar a opção “imprimir/visualizar PDF”.

Um detalhe importante e que deve ser mencionado é que quem foi afastado do trabalho com benefício do INSS, seja com salário-maternidade, auxílio-doença ou auxílio-reclusão, deve marcar a opção no campo correspondente antes de emitir a guia DAS.

O procedimento é necessário, pois durante o tempo de afastamento só devem ser quitados o ISS e o ICMS.

Como pagar

O pagamento do DAS pode ser feito pela internet ou pelo aplicativo do Banco do Brasil, instituição parceira do MEI. 

Quem deseja pagar pela internet pode realizar o passo a passo informado mas, ao invés de imprimir a via basta escolher a opção “pagar online”.

É recomendado que o contribuinte siga as instruções do site para realizar a transação adequadamente e, posteriormente, gerar o comprovante de quitação do débito.

O contribuinte deve ficar atento ao prazo de pagamento do DAS para evitar a cobrança de juros ou multas. Normalmente a data para cobrança da taxa é no dia 20 de todo mês, porém de acordo com a época do ano o prazo pode mudar.

O pagamento também pode ser feito em locais como:

  • Caixa Econômica Federal;
  • Casas lotéricas;
  • Bancos conveniados estaduais;
  • Banco Postal (Correios).

Outra opção é cadastrar a cobrança em débito automático. Esse serviço evita possíveis atrasos no pagamento e é mais fácil de ser financeiramente planejado.

Julia de Paula
Jornalista formada pela Universidade Metodista de São Paulo - UMESP

Deixe seu comentário

catorze + 15 =