Inscrições Prouni 2021: regras, documentos e prazos

Os participantes da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) que obtiveram desempenho igual ou superior a 450 pontos – entre outros requisitos – poderão realizar a inscrição no Programa Universidade Para Todos (Prouni) entre os dias 12 e 15 de janeiro de 2021. No Diário Oficial da União já consta o edital. 

Dessa vez, excepcionalmente, a nota base para selecionar os bolsistas será a do Enem de 2019, pois neste ano em razão da pandemia de Covid-19 a prova não aconteceu. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais decidiu adiar o evento para também para janeiro, mas como a nota dos candidatos deve ser divulgada em março, eles só poderão concorrer ao Prouni 2021 na segunda temporada de inscrição, prevista para junho. 

Aos aprovados, o Prouni dá direito a bolsas de estudo para variados cursos nas faculdades particulares. A concessão de desconto pode acontecer de forma integral, garantindo que o aluno não pague nada, ou parcial, onde 50% do valor das mensalidades é quitado pelo governo federal durante todos os semestres. 

Prouni 2021

Regras

Como foi mencionado, pode participar do Prouni 2021 quem tiver alcançado pelo menos 450 pontos no Enem em 2019 e nota maior que zero no teste de redação. Existem ainda outros requisitos a serem seguidos, são eles: 

  • Não possuir diploma de ensino superior (exceto no caso de professores); 
  • Ter diploma de ensino médio emitido pela rede pública de ensino, ou ter se formado em instituição privada na condição de bolsista;  
  • Apresentar alguma deficiência física; 
  • Ser professor atuante na educação básica rede pública. 

O tipo de bolsa, parcial ou integral, a ser concedida varia de acordo com a proporção da renda do candidato, podendo ser: 

  • 100% de desconto: para alunos em que a renda familiar mensal per capita é de até 1,5 salário mínimo, equivalente a R$1,558. 
  • 50% de desconto: no caso onde a renda familiar mensal per capita vai de 1,5 a 3 salários mínimos, o mesmo que R$3,117. 

Lista de documentos 

Para se inscrever no Prouni 2021 o candidato deve acessar o site oficial do programa. Aquele que for pré-selecionado precisa, então, se dirigir à instituição de ensino indicada para fazer a matricula. Confira o que você precisará ter em mãos: 

  • Comprovantes de residência; 
  • Comprovantes de rendimentos; 
  • Comprovante de separação, divórcio ou óbito dos pais; 
  • Comprovante de pagamento de pensão alimentícia; 
  • Comprovantes de ensino médio; 
  • Comprovante de professor da educação básica, se for o caso; 
  • Comprovante de deficiência, se for o caso; 
  • Documentos de identificação. 

Nessa fase, a partir da documentação entregue, será analisada a veracidade dos dados informados no ato da inscrição. 

Resultado 

Quem estiver apto poderá se inscrever para dois cursos diferentes. O direcionamento dependerá da quantidade de vagas disponível. Será possível conferir a lista de aprovação a partir do dia 19 de janeiro. É bom checar o quanto antes, quem não preencher a vaga a tempo pode perder a oportunidade. A divulgação da segunda chamada será divulgada em 1º de fevereiro. 

Quanto aos participantes que não forem citados, mas que quiserem permanecer do processo seletivo do Prouni 2021 deverão ficar atentos ao prazo para informar interesse na lista de espera, que corresponde aos dias 18 e 19 de fevereiro, somente. O resultado será publicado logo em seguida, no dia 22 do mesmo mês. 

 Leia também: Como usar a nota do Enem para entrar em uma universidade?

Ludmila Catharina
Uma jornalista de 23 anos, nascida e criada no quadradinho. Encantada por literatura e todas as formas de comunicação. Atualmente, ocupo o papel de estudante, mais uma vez, fazendo especialização em comunicação organizacional e estratégias digitais.

Deixe seu comentário

19 − quatro =