Psicologia – Qual o salário de um Psicólogo? Média de Ganhos e Principais atribuições

O Psicólogo é um profissional com alta demanda no mercado, já que nos últimos anos as doenças que afetam a saúde mental das pessoas aumentaram drasticamente. Então, se você pretende ingressar nessa carreira, é importante conhecer o salário do psicólogo, bem como as suas principais atribuições.

Pensando nisso, neste texto separamos as informações mais relevantes sobre essa profissão, continue a leitura e confira!

Atendimento psicológico na clínica

Quem é o Psicólogo?

Esse profissional é responsável por cuidar da saúde mental das pessoas para que elas tenham uma melhor qualidade de vida. Além disso, a Psicologia tem um vasto campo de atuação, pois é possível trabalhar nas áreas clínica, escolar, organizacional, jurídica, esportiva, social, entre outras.

O Psicólogo também pode atuar de acordo com metodologias e abordagens específicas, como Psicanálise, Behaviorismo, Lacaniana, Cognitiva, Gestalt, Sistêmica, entre outras. Nesse caso, é necessário investir em uma boa especialização depois da graduação.

Toda a atuação dessa profissão é orientada e fiscalizada pelo Conselho Regional de Psicologia, mais conhecido como CRP. Por isso, esse profissional somente pode atuar após obter o seu registro neste órgão.

O que faz um Psicólogo?

O campo de atuação tradicional do Psicólogo é a clínica, que pode ser própria ou em parceria com outros profissionais, no qual realiza atendimentos relacionados à saúde mental dos pacientes. Nesse caso, ele é responsável por diagnosticar, prevenir e tratar doenças ou distúrbios mentais, bem como as questões internas das pessoas.

Para tanto, esse profissional faz a análise do comportamento para identificar as possíveis causas dos problemas, assim como ajuda o paciente por meio de técnicas e de ferramentas a alterar os hábitos que estão prejudicando a sua vida pessoal e profissional.

Além disso, o Psicólogo pode atuar em empresas, em especial, no departamento de recursos humanos. Nesse caso, ele elabora e executa processos de recrutamento e seleção, treinamento e desenvolvimento, avaliação de desempenho, entrevista de desligamento, entre outros.

Nas empresas também é possível atuar no SESMT realizando atendimentos psicológicos ou desenvolvendo campanhas de conscientização de saúde mental. Ou, ainda, pode desempenhar funções na área de marketing e de vendas, já que ele tem conhecimento profundo sobre o comportamento humano.

Esse profissional também pode trabalhar em escolas, hospitais, postos de saúde, ONGs, asilos, penitenciárias, clubes esportivos, ambientes jurídicos, entre outros. Além disso, ele tem a possibilidade de fazer concurso público para trabalhar nos órgãos do Governo, como Marinha, Aeronáutica, Exército, Detran, entre outros.

Em cada um destes locais o trabalho do Psicólogo apresenta características diferentes. Por isso, normalmente, é necessário que ele faça uma especialização. Por exemplo, se pretende atuar na área esportiva, é importante que conclua pós-graduação em Psicologia Esportiva.

Quanto ganha um Psicólogo?

O salário desse profissional pode variar de acordo com a sua especialidade. A seguir, você pode visualizar uma tabela com os salários médios dos Psicólogos referentes ao mês de setembro de 2020. Esses dados foram retirados do site Salário, que coleta e processa dados do CAGED, eSocial e Empregador Web para elaborar suas tabelas salariais. Vamos lá!

 

Cargo Salário
Psicólogo Clínico R$ 2.720,47
Psicólogo do Trabalho/Organizacional R$ 2.920,98
Psicólogo Criminal R$ 3.444,36
Psicólogo Escolar R$ 2.583,15
Psicólogo do Esporte R$ 2.586,61
Psicólogo do Trânsito R$ 2.015,83
Psicólogo Social R$ 2.680,32
Psicólogo Hospitalar R$ 3.292,32

 

É importante mencionar que esses profissionais têm direito de receber benefícios trabalhistas e previdenciários obrigatórios, como 13º salário, férias, auxílio-doença, licença maternidade, entre outros. Além disso, existe a possibilidade da empresa conceder também benefícios espontâneos, como assistência médica, assistência odontológica, vale-refeição, vale-alimentação, entre outros.

Como se tornar um Psicólogo?

O primeiro passo para atuar como Psicólogo é identificar se você gosta de lidar com pessoas, pois essa profissão demanda essa habilidade. Também é necessário fazer graduação em Psicologia. Esse curso de bacharelado tem duração média de 4 anos, no qual o estudante tem acesso a disciplinas que ajudam na sua futura atuação profissional.

Normalmente, o curso também tem atividades práticas no qual o aluno faz atendimentos a comunidade, bem como existe a exigência de estágio supervisionado. Todas essas atividades preparam o estudante para atender as demandas do mercado. 

Após finalizar a graduação, se o Psicólogo decidir prestar atendimento em uma determinada abordagem ou especialidade, ele deve investir em uma pós-graduação ou uma certificação para se especializar.

Mas, não basta a formação, para atuar nessa área é necessário que o profissional obtenha registro junto ao Conselho Regional de Psicologia (CRP) do seu estado. Depois desse processo você estará habilitado para realizar atendimentos na sua própria clínica ou como funcionário em empresas públicas ou privadas de diversos segmentos.

Podemos concluir que essa profissão é muito relevante para a sociedade, bem como pode ajudar as pessoas a melhorar a sua qualidade de vida. Agora que você já conhece as atribuições e o salário do Psicólogo. Fica mais fácil decidir se pretende ingressar na área de Psicologia.

Gostou deste texto? Então, compartilhe nas suas redes sociais para que outras pessoas também tenham acesso a essa informação.

Tathiane Mantovani
Estudante de Jornalismo. Administradora formada pela UniCesumar. Especialista em Psicopedagogia Institucional, Design Instrucional, Gestão de Pessoas e Marketing de Conteúdo. Redatora SEO, Conteudista EAD e Escritora com 8 livros didáticos publicados nas áreas de Recursos Humanos e Segurança do Trabalho. Apaixonada pela arte da escrita e amante dos livros.

Deixe seu comentário

dois × cinco =