Encceja 2020 abre processo de inscrição

Encceja divulga período de inscrição relativos ao ano de 2020. O procedimento é gratuito e pode ser realizado pela internet.

Encceja

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos, mais conhecido como Encceja, abriu o processo de inscrição relativo ao ano de 2020. 

Os interessados em participar do exame podem se candidatar até o dia 22 de janeiro por meio do site oficial do Encceja na internet e a inscrição é gratuita.

Vale ressaltar que o candidato que necessitar de atendimento especializado no dia da prova pode fazê-lo durante o processo de inscrição.

 

Inscrições começaram nessa semana

Em 2019 um fato histórico ocorreu na respectiva edição do Encceja, pois o Inep, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, registrou recorde de candidaturas com um número aproximado de 3.000.000 inscritos.

O Inep é o órgão responsável pela realização do exame desde 2002, ano em que o Encceja começou, em conjunto com as secretarias estaduais e municipais de Educação.

Quem pode participar do Encceja 2020

O exame é oferecido a jovens e adultos que por uma série de motivos não conseguiram concluir os estudos na idade recomendada para as etapas de ensino.

Contudo, é necessário que os candidatos tenham no mínimo 15 anos completos para realizar o exame do ensino fundamental e 18 anos completos no caso do ensino médio.

Prova do Encceja 2020

Basicamente, o Encceja é composto por provas objetivas e por uma redação. Cada nível do ensino é caracterizado por 30 questões de múltipla escolha e o tema da prova escrita é revelado somente na hora do exame.

Certificação do Encceja

Quanto à certificação, o procedimento é feito pelas respectivas secretarias de educação e institutos federais de educação, bem como as entidades que emitem declarações de proficiência. 

Nota

De modo geral, o candidato deve tirar 100 pontos em cada prova objetiva do Encceja para que ocorra a aprovação. Já na prova de redação a pontuação mínima exigida é de 5 e o máximo 10. 

Os candidatos que obtiverem nota mínima em uma ou mais provas, mas não atingirem a pontuação necessária para cada área poderão receber a declaração de proficiência a fim de que as disciplinas sejam eliminadas no próximo exame.

Recursos

É importante deixar claro que informar o Encceja sobre a não possibilidade de participar da prova após ter feito o processo de inscrição é fundamental, pois assim é possível realizar o exame no ano seguinte.

No Encceja de 2019 alguns candidatos que justificaram a ausência no dia do exame tiveram o pedido recusado e conseguiram entrar com recurso.

Os candidatos que não tiveram o recurso aceito pelo Encceja de 2019 devem ressarcir o Inep no valor de R$40 caso se inscrevam no Encceja 2020. 

O pagamento deverá ser feito a partir da próxima semana, por meio da Guia de Recolhimento da União (GRU) que será gerada ao final do processo de inscrição.

Exterior

Outra informação importante é que os brasileiros que moram no exterior podem realizar o Encceja caso residam em países que possuem convênio com o Inep.

A ação é feita em parceria com o Ministério das Relações Exteriores  e as provas seguem a mesma linha de disciplinas do Brasil.

Julia de Paula
Jornalista formada pela Universidade Metodista de São Paulo - UMESP

Deixe seu comentário

onze − 8 =