Enem Digital 2021: Prova começa a ser aplicada no domingo (31/01)

Candidatos ao Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem, estão em contagem regressiva para a prova, que começa a ser aplicada no próximo domingo, 31 de janeiro. A segunda etapa está agendada para o dia 7 de fevereiro. Desde que foi criado, em 1998, essa é primeira edição em que foi dada a opção da prova informatizada. 

A princípio, o Enem Digital aceitou somente as inscrições de estudantes que estavam cursando o último ano do ensino médio, ou que já haviam se formado. Os candidatos treineiros – aqueles que fazem a prova para ganhar afinidade – podem participar somente da versão impressa. 

Considerando essa restrição, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) disponibilizou 100 mil vagas para a nova modalidade da prova. Dessa quantia, 96.086 foram preenchidas. 

A expectativa é de que nos próximos anos o novo modelo seja implementado de maneira gradual, para que os candidatos se adaptem. De acordo com o Inep, a partir de 2026 o Enem deve passar a ser integralmente digital, excluindo os papéis. 

Enem Digital 2021

Como é a prova digital do Enem? 

Apesar da prova ser digital, não será feita com equipamentos eletrônicos pessoais, muito menos em casa. Os candidatos têm um local pré-definido pelo Inep onde precisam comparecer na data e horário marcados, assim como aqueles que se inscreveram para o Enem tradicional. 

Os parâmetros de sigilo e as medidas para prevenir fraudes serão as mesmas. A aparência da prova também foi preservada. Aliás, as questões de múltipla escolha serão resolvidas no computador, mas a redação ainda deve ser escrita à mão – com caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente. 

O primeiro dia de prova está destinado às disciplinas de linguagens, códigos e suas tecnologias, ciências humanas e suas tecnologias, língua estrangeira, mais a redação. Os candidatos terão o prazo de 5h30 para finalizar essa etapa. 

Quando chegar o segundo e último dia os participantes vão poder mostrar o que sabem sobre as matérias de exatas, o que inclui ciências da natureza e suas tecnologias, além de matemática e suas tecnologias. Dessa vez, o tempo limite para resolver todas as questões será de 5h. 

O que fazer se estiver com Covid-19? 

O Inep definiu um protocolo a fim de reduzir a probabilidade de contágio por coronavírus no local de prova. Neste protocolo, que foi publicado para os candidatos do Enem Digital 2021, ficou estabelecido que quem apresentar sintomas da doença nos dias anteriores ao evento deverá praticar o isolamento social e se ausentar. 

Para essas pessoas, mediante laudo ou atestado médico comprobatório, será dada uma segunda chance de participar. Todavia, a prova substitutiva será aplicada somente no formato tradicional, nos dias 23 e 24 de fevereiro. 

Além da Covid-19, outras doenças infectocontagiosas também dão direito ao adiamento da prova, por exemplo: coqueluche, difteria, doença invasiva por Haemophilus influenza, doença meningocócica e outras meningites, varíola, Influenza humana A e B, poliomielite por poliovírus selvagem, sarampo, rubéola, e varicela. 

Caso necessário a remarcação, o candidato deverá enviar os documentos clínicos pela Página do ParticipanteO Inep afirmou que não se responsabiliza por falhas ou congestionamento no site que possam comprometer o processo de solicitação. 

 Leia também:  O que é permitido levar no dia do Enem? Entenda como a pandemia altera as regras

Ludmila Catharina
Uma jornalista de 23 anos, nascida e criada no quadradinho. Encantada por literatura e todas as formas de comunicação. Atualmente, ocupo o papel de estudante, mais uma vez, fazendo especialização em comunicação organizacional e estratégias digitais.

Deixe seu comentário

2 × 4 =