Segunda Chamada do Prouni 2021: A data já está confirmada? O que sabemos até agora?

A primeira chamada de seleção do ProUni 2021 foi divulgada na última semana. Os candidatos que não tiveram o nome divulgado podem acompanhar a próxima publicação, pois o processo seletivo é realizado em duas partes.

ProUni

O Programa Universidade para Todos é uma iniciativa governamental que oferece bolsas de estudo parciais e integrais aos estudantes que atingem a pontuação necessária para cada curso.

Essa pontuação é determinada de acordo com a nota obtida na última edição do Exame Nacional do Ensino Médio, contudo, também é importante que o candidato se enquadre em  uma série de regulamentos.

Processo seletivo

O ProUni atua como uma espécie de processo seletivo para que as vagas sejam preenchidas. Este ano cerca de 162 mil bolsas de estudos serão ofertadas aos interessados entre mais de 1000 instituições de ensino.

Basicamente, existem duas chamadas oficiais dos candidatos selecionados. A primeira chamada foi realizada no último dia 19 e a segunda chamada está prevista para o dia 1 de fevereiro.

Ambos os resultados podem ser conferidos na página oficial do programa na internet. É possível realizar a consulta por meio do próprio cadastro ou buscar pela lista divulgada diretamente pelas instituições de ensino.

Bolsas Prouni

Como mencionado anteriormente, para concorrer às bolsas de estudo oferecidas pelo ProUni os interessados podem optar por diferentes modalidades, a parcial ou a integral.

As bolsas de estudos integrais garantem 100% de desconto no valor total do curso. Contudo, para essa vaga o estudante precisa comprovar renda familiar bruta mensal de até 1,5 salário mínimo , por pessoa

Resultados serão divulgados até fevereiro

No caso das bolsas parciais, os descontos são de 50% e é necessário que o candidato comprove a renda familiar bruta mensal de até 3 salários mínimos por pessoa.

Apesar de o ProUni ser considerado um programa que garante acesso ao ensino superior, é fundamental que o candidato atenda às exigências do programa, bem como do MEC para garantir a efetivação da vaga desejada.

Esse regulamento é aplicado tanto à questão financeira, quanto à realização do Enem e a respectiva pontuação mínima necessária de 450 pontos de média das notas e mais de 1 na redação.

Outras condições fundamentais para que o estudante consiga a bolsa de estudos são:

  • Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública ou em escola da rede privada, desde que na condição de bolsista integral;
  • Ser pessoa com deficiência;
  • Ser professor da rede pública no efetivo exercício do magistério da educação básica;
  • Ser professor integral do quadro de pessoal permanente de uma instituição pública.

Vale ressaltar que o ProUni opera com a aplicação de cotas e ações afirmativas. Portanto, uma porcentagem das vagas é oferecida aos candidatos que se autodeclararam indígenas, pretos ou pardos e deficientes.

Lista de Espera

Os candidatos que não forem selecionados em nenhuma das chamadas podem participar da lista de espera. Se houver desistência ou cancelamento de vaga por parte de outro candidato há a possibilidade de ser aprovado.

Julia de Paula
Jornalista formada pela Universidade Metodista de São Paulo - UMESP

Deixe seu comentário

9 − 8 =